fbpx

Cartão de débito para euros e criptomoedas. Saiba como funciona

⏱️ Tempo estimado de leitura: 3 minutos

A Bit2Me, uma plataforma de compra e venda de criptomoedas com sede em Espanha, anunciou a criação de um novo cartão de débito, que deve chegar ao mercado ainda neste ano de 2021.

Bit2Me Card é o nome do novo cartão de débito que permite a realização de pagamentos não só com euros, mas também com criptomoedas. A sua criação surge como resultado da parceria da Bit2Me com a Mastercard.

Qual o objetivo da empresa com a criação deste cartão?

Com a criação do cartão Bit2Me Card, a empresa pretende atender à crescente procura dos utilizadores, que cada vez mais desejam fazer pagamentos em criptomoedas. Deste modo, a Bit2Me fornece novas opções que dão aos consumidores mais possibilidades no processo de pagamento de bens e serviços.

De acordo com Leif Ferreira, CEO e fundador da Bit2Me, este lançamento é o “próximo passo natural”, sendo este um mercado que tem vindo a ganhar cada vez mais peso e importância. De acordo com o mesmo, este novo projeto prende-se com uma vontade de “unificar a experiência” dos utilizadores da plataforma, ligando assim a sua comunidade e as criptomoedas àquilo que são consideradas “atividades comerciais do mundo e do seu dia a dia”.

O CEO destaca ainda que um dos pontos diferenciadores deste cartão é a parceria com a empresa de pagamentos Mastercard, tendo este sido desenvolvido com “padrões rigorosos de qualidade e segurança”.

“Em todos os aspetos de segurança no processamento através dos canais financeiros tradicionais, alavancamos a segurança oferecida por grandes players do setor, como a Mastercard, daí a aliança estratégica que criámos”, afirmou.

Como é que tudo funciona?

Com o cartão de débito Bit2Me Card, a empresa de referência no setor faz a conversão de moedas digitais em moeda fiduciária. Por sua vez, o montante que resulta desta conversão pode ser utilizado para compras em qualquer local do mundo, em estabelecimentos físicos, desde que estes aceitem um cartão Mastercard, ou em plataformas online. Com ele é também possível realizar levantamentos de dinheiro em caixas eletrónicas (ATM).

Quando é que este serviço deve ficar disponível?

O cartão de débito deve ficar disponível no fim do ano de 2021.

Quais as criptomoedas que podem ser utilizadas neste serviço?

Para este serviço é possível utilizar qualquer uma das criptomoedas disponibilizadas pela Bit2Me. De acordo com Leif Ferreira, a empresa conta com mais de 70 criptomoedas, entre elas, as famosas Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH), Cardano (ADA), Solana (SOL) e até mesmo o token nativo da própria plataforma, o Bit2Me Token (B2M).

Quem pode ter acesso a este cartão?

O serviço é exclusivo para clientes da empresa, que poderão solicitar um cartão e ligá-lo à sua carteira de criptomoedas. Nesta primeira fase, o cartão de débito irá estar disponível para todos os utilizadores da Bit2Me na União Europeia, incluindo Portugal.

Em relação ao futuro, o CEO da Bit2Me destaca que pretende estar presente em todos os negócios com terminal de pagamento Mastercard, não só em toda a Europa, mas também em muitos outros países do mundo. Além disso, ambiciona também aumentar a oferta de criptomoedas, por forma a atingir as 200 divisas ainda antes do final do ano.

Autora: Ana Rita Ribeiro

DEIXA UM COMENTÁRIO

Por favor, envie o comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

Últimas notícias

Subscreve a nossa Newsletter

Com o resumo das nossas notícias
bitcoinBitcoin
$ 42,365.00
$ 42,365.00
1.25%
ethereumEthereum
$ 3,237.09
$ 3,237.09
2.72%
binance-coinBinance Coin
$ 479.16
$ 479.16
3.23%
xrpXRP
$ 0.769462
$ 0.769462
0.93%
cardanoCardano
$ 1.59
$ 1.59
14.12%

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img