Modelo Continente atribui subsídio até 500 euros

Fonte da imagem: SONAE MC

O mês de dezembro é o mês do Natal e, como tal, os gastos mensais familiares tendem a aumentar, seja com prendas, seja com o jantar de Natal ou mesmo com os custos acrescidos que as lojas praticam face ao aumento da procura de determinados alimentos e bens.

O Continente  vai pagar este mês um apoio extraordinário com um limite máximo de 500 euros aos trabalhadores de forma a colmatar os efeitos da inflação, medida que abrangerá, aproximadamente, 36 mil colaboradores e representará um investimento superior a 15 milhões de euros.

Sonae MC e Continente: Quem é a empresa mãe e quem é a empresa subsidiária?

A empresa-mãe é uma entidade que controla um portfólio de investimentos/empresas, tendo direta ou indiretamente o poder de decisão sujeito à vontade de outra pessoa ou pessoas.

Por outro lado, uma empresa subsidiária é uma empresa controlada cujo poder de decisão está direta ou indiretamente sujeito a outra ou outras pessoas que serão sua empresa-mãe ou controladora.

Fazendo esta analogia para a Sonae MC e o Continente, claramente que a Sonae MC é a empresa mãe e o Continente a empresa filha/subsidiária.

Voltando ao apoio

Segundo o comunicado emitido pela empresa na passada quarta-feira, dia 7 de dezembro, “Este é um gesto que a empresa acredita poder ajudar a mitigar os impactos sentidos no custo de vida, proporcionando um Natal melhor para todos, no contexto particularmente difícil que estamos a viver”.

Pode ainda ler-se no comunicado a referência ao “o reforço do pacote interno de benefícios financeiros e sociais (…) num investimento anual superior a 10 milhões de euros” e destaca “o aumento do subsídio de refeição em cerca de 22 euros por mês”.

DEIXA UM COMENTÁRIO

Por favor, envie o comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

spot_imgspot_img

Últimas notícias

Receba o ebook "Os primeiros investimentos" GRATUITAMENTE

Basta carregar no botão abaixo

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img