Lucros da Corticeira Amorim sobem 18% no primeiro trimestre de 2023

Fonte da imagem: Jornal Económico

Os lucros da Corticeira Amorim aumentaram 18% no primeiro trimestre de 2023, perfazendo um total de 23,77 milhões de euros. No mesmo período de 2022, a Corticeira Amorim havia alcançado lucros na ordem dos 20,1 milhões de euros.

Diminuição de 1,4% nas vendas

A Corticeira Amorim, empresa liderada por António Rios Amorim, informou a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários que as vendas da empresa diminuíram 1,4%, para um total de 259,9 milhões de euros. Esta diminuição das vendas deveu-se em grande medida à queda de 32,8% verificada nas vendas das unidades de negócios de revestimentos.

Comportamento do segmento das rolhas

No que respeita às vendas das rolhas estas ascenderam a 204,9 milhões de euros, o que se traduz num aumento de 5,9% face ao primeiro trimestre de 2022. A empresa liderada por António Rios Amorim, salienta que foi registada uma evolução positiva das vendas em todos os segmentos de rolhas, assim como na generalidade das categorias de rolhas.

Dívida remunerada líquida

A dívida remunerada líquida da Corticeira Amorim subiu para os 166 milhões de euros, quando comparada com o trimestre anterior, ou seja, o período compreendido entre outubro e dezembro de 2022.

DEIXA UM COMENTÁRIO

Por favor, envie o comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

spot_imgspot_img

Últimas notícias

Receba o ebook "Os primeiros investimentos" GRATUITAMENTE

Basta carregar no botão abaixo

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img