Inflação pressiona BCE para uma subida forçada dos juros

spot_imgspot_img

A crescente inflação que se reflete por toda a Zona Euro não parece dar qualquer tipo de trégua, nem quaisquer sinais de alívio, forçando a que o Banco Central Europeu (BCE) se veja obrigado a reforçar a estratégia de subida das taxas de juro na região. 

Isto, apesar de todos os esforços que o Banco Central Europeu (BCE) tem vindo a fazer, levando a que dois membros do Conselho já viessem sinalizar que poderá ser necessário que se subam (ainda) mais as taxas de juro.

No passado mês, o BCE reforçou esta prática, tendo-se procedido a uma subida das taxas de juro na Zona Euro em 50 pontos base, mas a inflação “pandémica” parece não permitir que se estanque a “ferida” provocada pela inflação. 

Ontem (18 de agosto), o Eurostat revelou que o índice de preços no na Área do Euro registou uma nova subida, dos 8,6% para os 8,9%, quatro vezes superior ao valor de referência de 2% estipulado pelo Banco Central Europeu (BCE). 

A autoridade monetária voltará a reunir-se no próximo dia 8 de setembro, altura em que já terá ao seu dispor novos dados acerca da inflação, após ter sido anunciado, no mês passado, o primeiro aumento das três taxas de juro durante uma década.

O aumento que se prevê, das taxas de juro, já em setembro, é praticamente dado como certo, mas ainda é pouco consensual no que se refere à sua dimensão, encontrando-se os agentes políticos divididos entre os 25 e os 50 pontos base. 

Um dos grandes receios do BCE é que este aumento das taxas de juro seja acompanhado de uma recessão, fruto do aumento dos preços dos produtos petrolíferos. 

A adoção desta postura estratégica pelo BCE surge ao mesmo tempo que o Eurostat reviu em alta a inflação para a Zona Euro e União Europeia e um dia depois de terem sido conhecidas as atas da reunião de política monetária de 26 e 27 de julho da Reserva Federal Norte-Americana (FED), que, inclusive, também antecipam mais subidas dos juros nos EUA caso a inflação se mantenha ao ritmo atual.

spot_imgspot_img

DEIXA UM COMENTÁRIO

Por favor, envie o comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

Últimas notícias

Subscreve a nossa Newsletter

Com o resumo das nossas notícias
spot_imgspot_img

Artigos Relacionados

spot_img