Disney planeia corte nos seus trabalhadores

A Walt Disney, CO (DIS.N) anunciou, através de um memorando obtido pela agência Reuters na passada sexta-feira, intenções de congelar processos de contratação e promover despedimentos.

Os planos da empresa norte-americana perseguem o objetivo de garantir a rentabilidade do serviço de streaming Disney+, numa conjuntura económica marcada por grande incerteza.

O referido memorando foi enviado pelo CEO do grupo, Bob Chapek, a outros gestores da Disney, no qual se refere a “pequenos cortes no staff” com o fim de redução de custos.

O anúncio é feito após a Disney ter falhado as estimativas de Wall Street de resultado trimestral. A gigante do entretenimento aumentou as suas despesas devido ao investimento no serviço de streaming, o que penalizou os lucros.

O mercado reagiu celeremente à comunicação dos desapontantes resultados face às expectativas, com as ações da Disney a caírem mais de 13% na última quarta-feira.

A Disney+, serviço lançado no final de 2019 pela empresa sediada na Califórnia, contém séries e filmes produzidos pela Disney, Pixar, Marvel e a saga Star Wars.

De acordo com dados da empresa, a Disney+ tem crescido com grande velocidade, registando um aumento de 12 milhões de subscritores no último trimestre.

No entanto, continua a apresentar perdas a nível operacional e as previsões são de que apenas se tornará lucrativa a partir do ano fiscal de 2024. 

Assim, a Disney segue a tendência de um conjunto de companhias norte-americanas que tem promovido cortes no pessoal.

A Meta (META) comunicou na passada semana o corte de mais de 11 mil postos de trabalho, o que corresponde a 13% da sua força de trabalho como forma de controlar os custos.

Outro exemplo é a rival Warner Bros que tem passado por processos profundos de corte de custos, incluindo layoffs enquanto tenta reestruturar as suas operações.

DEIXA UM COMENTÁRIO

Por favor, envie o comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

spot_imgspot_img

Últimas notícias

Receba o ebook "Os primeiros investimentos" GRATUITAMENTE

Basta carregar no botão abaixo

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img