Ações “abandonadas” ligadas à recuperação económica podem recuperar

Esta recente turbulência está a criar oportunidades de investimento significativas em ações cíclicas e de valor, afirmou Jeff Mills do Bryn Mawr Trust.

″[Estas áreas] do mercado que foram realmente abandonadas por quase dois meses são encorajadoras para mim”, disse o diretor de investimentos da empresa à CNBC na quarta-feira.

Mills acredita que possam existir mais mudanças nas ações com o passar do tempo. Desta forma, enumerou os materiais, a energia, o setor industrial e as pequenas empresas como escolhas principais de investimento, uma vez que estas estão ligadas à recuperação económica e muitas vezes têm uma boa performance em ambientes com taxas de juros crescentes.

“Se olharmos para o stock médio do Russell 1000, verificamos que caiu cerca de 10%”, disse ele. “É ainda possível observar que nenhum nome do setor energético está acima da sua média móvel de 50 dias.” Neste setor, Mills está particularmente otimista em relação à EOG Resources, uma produtora de óleo de xisto e gás natural.

“Esse é o nome favorito no setor da energia. Penso que é possível observar que as commodities estão a começar a estabilizar”, disse Mills, que tem cerca de 21 mil milhões de dólares americanos em ativos sob gestão.

“A reação que tivemos após a reunião do Fed, quando todos se direcionaram para a grande capitalização, crescimento e tecnologia, é realmente a memória de mercado que eu penso que não vá durar”.

Mills afirma ainda que um dos seus maiores “pesos baixos” é a Big Tech. Assim, avisa os investidores que o “salto” do grupo é insustentável, uma vez que o aumento das taxas criará grandes ventos contrários. “A Big Tech teve de responder a um declínio bastante rápido das taxas de juros nos últimos meses. Acho que atingiu o seu limite neste ponto”, observou Mills.

Na passada segunda-feira, os principais índices subiram pelo segundo dia consecutivo. “É interessante que o S&P 500 tenha crescido quatro ou cinco vezes devido à média móvel de 50 dias”, disse Mills. Assim, o diretor de investimentos do Bryn Mawr Trust sente-me bastante confiante.

Autora: Inês Pereira

DEIXA UM COMENTÁRIO

Por favor, envie o comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

spot_imgspot_img

Últimas notícias

Receba o ebook "Os primeiros investimentos" GRATUITAMENTE

Basta carregar no botão abaixo

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img