fbpx

4 dias de trabalho por semana

⏱️ Tempo estimado de leitura: 2 minutos

Em resposta a níveis alarmantes de stress e desgaste por parte dos funcionários, algumas organizações estão a considerar aquilo que há uns anos atrás seria impensável: reduzir a semana de trabalho para quatro dias.

A ideia parece ser controversa. Porém, existem alguns estudos que apoiam a redução do número de horas de trabalho por semana. 

Uma experiência realizada na Islândia entre 2015 e 2019, descobriu que a redução, mantendo o mesmo salário, aumenta a produtividade. Para além do acréscimo no nível de produtividade, também se verificaram melhorias no bem-estar dos trabalhadores e na sua qualidade de vida.

No relatório publicado pela Alda e Autonomy, pode constatar-se que os trabalhadores participantes relataram um “poderoso efeito positivo no equilíbrio entre vida pessoal e profissional”, o que se traduz em, por exemplo, ter mais tempo para ficar com os filhos ou praticar hobbies. Além disso, os homens em relacionamentos heterossexuais também eram mais propensos a assumir as tarefas domésticas, de acordo com os pesquisadores.

Embora este modelo tenha comprovado seu valor, ainda apresenta algumas deficiências, uma vez que é amplamente aplicado.

Em primeiro lugar, o modelo pode não ser adequado para algumas áreas. Existem setores que não conseguem reduzir a jornada de trabalho, como manufatura, engenharia, construção civil e serviços, pois exigem continuidade e disponibilidade de mão de obra.

Em segundo lugar, a redução dos dias de trabalho pode afetar a experiência do cliente nos serviços. Além disso, tal ação requer que a capacidade de gestão do trabalho do funcionário seja otimizada para completar a carga de trabalho anterior em 32 horas/semana.

Recentemente, o Governo belga concordou em votar na introdução de uma semana de trabalho de quatro dias por todo o país.

Uma maior flexibilidade no horário de trabalho poderia reduzir o número de dias de trabalho por semana, de cinco para quatro. Na proposta belga, o número de horas de trabalho permaneceria o mesmo. Assim, para obter o dia extra de folga, os funcionários teriam que trabalhar cerca de 9,5 horas por dia, assumindo uma carga de trabalho em tempo integral de 38 a 40 horas por semana.

Autoridades na Bélgica disseram à POLITICO que o governo está a considerar reformas mais amplas do mercado de trabalho, já que a pandemia de COVID-19 “mudou radicalmente a forma como trabalhamos”.

Será que estamos perante uma reforma do modelo 40/5 (40 horas semanais, cinco dias por semana) estabelecido por Henry Ford em 1926?

Autora: Jacinta Silva

DEIXA UM COMENTÁRIO

Por favor, envie o comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

Últimas notícias

Subscreve a nossa Newsletter

Com o resumo das nossas notícias
bitcoinBitcoin
$ 47,417.00
$ 47,417.00
16.91%
ethereumEthereum
$ 3,925.88
$ 3,925.88
14.4%
binance-coinBinance Coin
$ 537.15
$ 537.15
13.87%
xrpXRP
$ 0.784189
$ 0.784189
19.78%
cardanoCardano
$ 1.36
$ 1.36
18.14%

Artigos Relacionados

spot_imgspot_img